domingo, 27 de novembro de 2011

Refletindo sobre a necessidade de segurança

Vocês já notaram como buscamos ter controle e segurança sobre tudo o que nos acontece? Caimos na ilusão de pensar que a vida pode ser controlável e podemos nos sentir seguros quanto ao que acontece com ela. Pois é, mas a vida é incontrolável e é impossível termos segurança de que o minuto seguinte será da forma que planejamos. É de suma importância aprendermos a lidar com este fato com tranquilidade.


"Quanto mais você quer segurança, menos tranquilo fica, criando um problema. Se você não pedir segurança, nunca se preocupará com a insegurança. Assim como as árvores são verdes, a vida é insegura. Se você começar a pedir que as árvores fiquem brancas, haverá um problema. O problema é criado por você e não pelas árvores - elas são verdes e não podem ser brancas. Elas não podem cumprir isso" (Osho)
 Este autor nos lembra que o fato da vida ser insegura é bom. Você só tem segurança da morte. Ele nos ensina que a vida é um milagre, você existir é um milagre, simplesmente porque você poderia não existir. É como uma flor que a qualquer momento, devido a ação do vento, por exemplo, pode ter suas pétalas arrancadas, sendo um milagre o fato da flor está ali.

Você só consegue ficar em paz quando aceita o fato de que a vida é insegura, que é impossível termos certeza, e como já foi dito, isto não deve ser encarado como algo ruim, muito pelo contrário, a insegurança da vida nos lembra que tudo é mutável, até mesmo as coisas que rotulamos como ruins.

Nenhum comentário:

Postar um comentário